Novas Conquistas para o Projeto “Abrace a Santa Casa de Cianorte”

DSC 6348x

DSC 6348x

Reafirmação de doações para a colocação do piso, criação do Conselho Fiscal; conquista de prestação de serviços de comunicação e consultoria jurídica, resultaram da segunda reunião promovida pela Acic Cianorte.

Na última terça-feira (18/06), a Associação Comercial e Industrial de Cianorte reuniu a sociedade civil organizada para dar continuidade ao projeto “Abrace a Santa Casa de Cianorte”, uma iniciativa da sociedade civil organizada, que se uniu para discutir os próximos passos da comissão recentemente criada, para apoiar a administração da Santa Casa de Cianorte.

Além da Acic, fazem parte dessa força tarefa para recuperar a estrutura de atendimento e a credibilidade da entidade de saúde, os Rotary Clubs, Lojas Maçônicas, Observatório Social, Conselho de Segurança, Cianorte Clube, Lions Clube, OAB e Rotaract Club. Segundo os organizadores, a UNIMED será convidada a compor este grupo, uma vez que já vem contribuindo ao longo destes últimos anos com a Santa Casa, e se outras entidades representativas do município também desejarem fazer parte, serão muito bem vindas.

Já no início da reunião, o presidente da Acic Cianorte, José Claudiney Rocco, propôs recuperar o funcionamento do Conselho Fiscal da Santa Casa. O Conselho já existe no papel e deveria acompanhar e fiscalizar a gestão do empreendimento. “Estamos dispostos a criar um Conselho Fiscal permanente para ajudar na gerência das ações realizadas pela Santa Casa de Saúde de Cianorte. Há necessidade que este Conselho atue de fato. Através dos Clubes de Serviço esse trabalho poderá ser cumprido”, explicou Rocco, convidando as entidades presentes a votar na criação do Conselho, e em seguida nomear um candidato para compô-lo.

Aprovado por unanimidade, o Conselho Fiscal deverá funcionar já nos próximos meses, acompanhando e auxiliando a nova presidente, Laura Neme, na gestão dos recursos. “A criação desse Conselho Fiscal vai ajudar a garantir a credibilidade do trabalho que a Santa Casa está realizando”, opinou o presidente do Conselho Municipal de Segurança, Wanderley de Paula Barbosa.

Para o advogado, Rafael Gonzalez, que representou a Ordem dos Advogados no evento, onde há ingestão de dinheiro público, como é o caso da Santa Casa, a fiscalização da população é de extrema necessidade. “Se a administração for transparente conseguiremos fortalecer a imagem da administradora. A OAB apóia incondicionalmente a criação do Conselho”, disse.

Com o apoio das entidades presentes, o próximo passo, que será dado pela presidente Laura Neme, será uma reunião com a diretoria da Santa Casa, onde serão convidados um representante de cada entidade apoiadora, para verificar o estatuto da instituição e adequá-lo possibilitando a implantação do Conselho Fiscal.

Mais Ações Pela Santa Casa

Sobre a colocação do piso térreo na Santa Casa, o empresário Sergio Castardo, da Serallê Calçados, reafirmou seu compromisso de fazer a doação do piso; o empresário Carlos Alberto Dalla Costa, vai doar a argamassa e o rejunte; os Clubes de Serviço farão uma contribuição em dinheiro para a mão-de-obra e contatos com construtoras da cidade para saber se estas estão dispostas a auxiliar neste sentido.

Sobre as dívidas com fornecedores da Santa Casa, o advogado Valdir Dantas, também presidente do Cianorte Clube, se prontificou a orientar nas questões de renegociação; e o advogado Andre Porto Brianese, por meio do Observatório Social vai ajudar na questão dos orçamentos da contratação de serviços e compra de material. Dr Valdir Dantas, juntamento com Dr André Porto e Dr Rafael Gonzalez, também deverão buscar junto ao judiciário local (Juizado Especial) o direcionamento das verbas que são destinadas pra entidades beneficentes, caso possam ser destinadas para a colocação do piso imediatamente. Também foi cogitada a possibilidade de se criar um fundo de reserva iniciando com uma chamada de capital das 09 entidades presentes na reunião.

A FZ Comunicação, representada no evento por Maucir Marcuz, se colocou a disposição para trabalhar uma campanha publicitária com o objetivo de recuperar a credibilidade da Santa Casa, e fazer contato com os veículos de comunicação, a fim de divulgar os trabalhos da nova gestão. “Recuperando a credibilidade da entidade acreditamos que vamos atrair mais pessoas dispostas a auxiliar, inclusive na captação de recursos para a Santa Casa. Esse deve ser um trabalho de todos nós, já que esta entidade pode beneficiar a todos”, disse Marcuz.

 

Fotos: Lenir Guilhem

Compartilhar